Agentes indígenas de saúde e saneamento: fortalecendo a Atenção Primária à Saúde e promovendo o bem-estar nas comunidades indígenas

Autores

Palavras-chave:

Qualificação, Agentes Indígenas de Saúde, Saúde Indígena, Atenção Primária à Saúde

Resumo

Introdução:  Os Agentes Indígenas de Saúde (AIS) e os Agentes Indígenas de Saneamento (AISAN) são trabalhadores que desempenham um papel importante na atenção primária à saúde nas comunidades indígenas, atuando na promoção da saúde, prevenção de doenças e cuidados básicos, por meio de ações de saneamento básico e educação em saúde. Objetivo: Relatar a primeira qualificação profissional para AIS e AISAN realizada pela Escola Técnica do SUS (ETSUS) “Professora Ena de Araújo Galvão” de Mato Grosso do Sul. Apresentação da experiência: Este relato de experiência apresenta o Programa de Qualificação dos AIS/AISAN, financiado pelo Ministério da Saúde, com execução pela ETSUS/MS e parceiros no período de 2019-2022. Discussão: A ETSUS/MS realizou a qualificação de AIS e AISAN, totalizando 215 agentes indígenas. A qualificação adotou metodologias ativas de aprendizagem, tais como trabalhos em grupos, dramatizações e outros. Durante as atividades de campo, os alunos produziram vídeos, cartazes, histórias em quadrinhos, folders e outros, realizaram palestras e orientações educativas em escolas, nas unidades de saúde e durante as visitas domiciliares. Considerações finais: Espera-se que haja cada vez mais processos de qualificação para os trabalhadores indígenas, pois essas são iniciativas que contribuem para a melhoria da saúde indígena no estado, principalmente com a possível aprovação do Projeto de Lei 3.514/19, que regulamenta a profissão dos AIS e AISAN.

Referências

ANTUNES. A. Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio. Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Trabalho e Formação na Saúde Indígena. 01 jul. 2022. Disponível em:

https://www.epsjv.fiocruz.br/noticias/reportagem/trabalho-e-formacao-na-saude-indigena. Acesso em: 05 mai.2023.

BRASIL. Ministério da Saúde. Fundação Nacional de Saúde. Política Nacional de Atenção à Saúde dos Povos Indígenas. 2. ed. Brasília: Fundação Nacional de Saúde, 2002. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_saude_indigena.pdf. Acesso em: 5 maio 2023.

BRASIL. Ministério da Saúde. 5ª Conferência Nacional de Saúde Indígena: relatório final. Brasília: Ministério da Saúde, 2015.

BRASIL. Ministério da Saúde. Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Educação permanente qualifica ações de saúde aos indígenas. Canal Saúde, Rio de Janeiro, 11 dez. 2018. Disponível em:

https://www.canalsaude.fiocruz.br/noticias/noticiaAberta/educacao-permanente-qualifica-acoes-de-saude-aos-indigenas-2018-12-11 Acesso em: 05 maio 2023.

BRASIL. Câmara dos Deputados. Projeto de Lei nº 3514/19. Regulamenta a profissão de Agente Indígena de Saúde (AIS) e Agente Indígena de Saneamento (AISAN), no âmbito do Subsistema de Atenção à Saúde Indígena (SasiSUS), e dá outras providências. Brasília: Câmara dos Deputados, 13 jun. 2019. Disponível em: https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=2207982

Acesso em: 08 maio, 2023.

DIEHL, E. E.; LANGDON, E. J.; DIAS-SCOPEL, R. P. Contribuição dos agentes indígenas de saúde na atenção diferenciada à saúde dos povos indígenas brasileiros. Cadernos de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 28, n. 5, p. 819–831, 2012.

DIEHL, E. E.; PELLEGRINI, M. A. Saúde e povos indígenas no Brasil: o desafio da formação e educação permanente de trabalhadores para atuação em contextos interculturais. Cadernos de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 30, n. 4, p. 867–874, abr. 2014.

DUARTE, E.; EBLE, L. J.; GARCIA, L. P. 30 anos do Sistema Único de Saúde. Epidemiologia e Serviços de Saúde, Brasília, DF, v. 27, n. 1, p. e00100018, 2018.

FUNDAÇÃO SÃO VICENTE DE PAULO. DSEI Cuiabá realiza a distribuição de kits para a capacitação de AIS e AISAN na região de Umutina. Paraopeba, MG, 15 jun. 2021. Disponível em:

https://fundacaosvposs.com.br/noticias/dsei-cuiaba-realiza-a-distribuicao-de-kits-para-a-capacitacao-de-ais-e-aisan-na-regiao-de-umutina. Acesso em: 05 maio 2023.

LANGDON, E. J. et al. A participação dos agentes indígenas de saúde nos serviços de atenção à saúde: a experiência em Santa Catarina, Brasil. Cadernos de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 22, n. 12, p. 2637–2646, 2006.

MATO GROSSO DO SUL. Secretaria de Estado de Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania (SETESCC). Comunidades Indígenas. Campo Grande, MS: SETESCC, 2023. Disponível em:

https://www.setescc.ms.gov.br/comunidades-indigenas-2/ Acesso em: 05 maio 2023.

MONTEIRO, C. G. et al. Programa de qualificação dos agentes indígenas de saúde (ais) e agentes indígenas de saneamento (AISAN): Análise do processo educacional com espacialização de qualificação, no contexto Intercultural, na Fazenda Experimental da UFAM, no Amazonas. Boletim Informativo Unimotrisaúde em Sociogerontologia, Manaus, AM, v. 23, n. 17, p. 1-27, 2020.

MOREL, C. et al. Escolarização de agentes indígenas de saúde e de saneamento: uma experiência de educação de jovens e adultos em aldeias guarani. Movimento-revista de educação, [s. l.], n. 12, 18 dez. 2013.

NAKATA, L. C. et al. Conceito de rede de atenção à saúde e suas características-chave: uma revisão de escopo. Escola Anna Nery, Rio de Janeiro, v. 24, n. 2, p. e20190154, 2020.

Downloads

Publicado

26.04.2024

Como Citar

PEREIRA, E. A.; MORAES, G. F. M.; SILVA, L. L. da; FIGUEIREDO, N. G. de. Agentes indígenas de saúde e saneamento: fortalecendo a Atenção Primária à Saúde e promovendo o bem-estar nas comunidades indígenas. Revista de Saúde Pública de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil, v. 6, n. 2, p. 27–35, 2024. Disponível em: https://revista.saude.ms.gov.br/index.php/rspms/article/view/263. Acesso em: 29 maio. 2024.

Edição

Seção

Relatos de caso ou de experiência profissional